Conjuntivite

Definição

A conjuntivite é o inchaço (inflamação) ou a infecção da membrana que cobre as pálpebras (conjuntiva).

Nomes alternativos

Inflamação - conjuntiva; Olho-de-rosa

Causas, incidência e fatores de risco

A conjuntiva é exposta a bactérias e a outras substâncias que causam irritações. As lágrimas ajudam a proteger a conjuntiva lavando as bactérias. As lágrimas também contêm enzimas e anticorpos que matam as bactérias.

Existem muitas causas para a conjuntivite. Viroses são as causas mais comuns. Outras causas incluem:

"Olho-de-rosa" refere-se a uma infecção viral da conjuntiva. Essas infecções são contagiosas principalmente entre crianças.

Os recém-nascidos podem ser infectados pela bactéria ao passarem pelo canal do nascimento. Essa moléstia é chamada de oftalmia neonatal e deve ser tratada imediatamente para que a visão seja preservada.

Consulte também:

Sintomas

Sinais e testes

Tratamento

O tratamento da conjuntivite depende da causa.

A conjuntivite alérgica pode responder ao tratamento à alergia. Pode desaparecer sozinha quando o alérgeno que a causou é removido. Compressas frias podem ajudar a aliviar a conjuntivite alérgica.

Antibióticos, geralmente colírios, são eficazes para a conjuntivite bacteriana. A conjuntivite viral desaparece sozinha. Muitos médicos receitam um colírio antibiótico leve para o olho-de-rosa para impedir a conjuntivite bacteriana.

Você pode aliviar o desconforto da conjuntivite viral ou bacteriana aplicando compressas mornas (panos limpos ensopados em água morna) sobre os olhos fechados.

Expectativas (prognóstico)

O resultado é geralmente bom com o tratamento.

Complicações

A reinfecção na casa ou na escola pode ocorrer caso não sejam tomadas medidas preventivas.

Ligando para seu médico

Agende uma consulta com seu médico caso os sintomas durem mais de 3 ou 4 dias.

Prevenção

Boa higiene pode ajudar a prevenir a disseminação da conjuntivite:

Referências

Wright JL, Wightman JM. Red and painful eye. In: Marx JA, ed. Rosen's Emergency Medicine: Concepts and Clinical Practice. 7th ed. Philadelphia, Pa: Mosby Elsevier; 2009:chap 32.

Rubenstein JB, Virasch V. Conjunctivitis: Infectious and noninfectious. In: Yanoff M, Duker JS, eds. Ophthalmology. 3rd ed. St. Louis, Mo: Mosby Elsevier; 2008:chap 4.6.


Reveja Data: 9/2/2014
Avaliado por: Franklin W. Lusby, MD, ophthalmologist, Lusby Vision Institute, La Jolla, CA. Also reviewed by David Zieve, MD, MHA, Isla Ogilvie, PhD, and the A.D.A.M. Editorial team.
As informações aqui fornecidas não poderão ser usadas durante nenhuma emergência médica, nem para o diagnóstico ou tratamento de doenças. Um médico licenciado deverá ser consultado para o diagnóstico ou tratamento de todas as doenças. Ligue para 192 em caso de emergências médicas. Os links para outros sites são fornecidos apenas a título de informação e não constituem um endosso a eles. 1997- A.D.A.M., Inc. A reprodução ou distribuição das informações aqui contidas é estritamente proibida.
adam.com